A cura do leproso e a nossa abordagem pessoal a Deus

05/05/2014 11:39
                                          
Terminada a análise a alguns trechos do Sermão da Montanha (que aconselho a leitura integral na Bíblia disponibilizada em referências (1), pois tem algumas notas explicativas importantes), onde Jesus nos dá os princípios da conduta cristã e quem o lê já deve ter percebido que é pecador e que a sua alma está cativa neste mundo material, necessitando ser salva, é altura de avançarmos para outra fase nas escrituras.
 
Antes de mais convém dizer que as escrituras têm profundas lições morais que apenas numa análise aprofundada poderão ser detetadas e às vezes as histórias mais simples escondem grandes lições de vida.
 
Avancemos então para a cura do leproso, vejamos os trechos que estão nos três primeiros evangelhos sobre o mesmo assunto:
 
MATEUS [8]
1 E, descendo ele do monte, seguiu-o uma grande multidão.
2 Foi então abordado por um leproso, que se ajoelhou dizendo:
- Senhor, se quiseres, podes tornar-me limpo.
3 E Jesus, estendendo a mão, tocou-o, dizendo:
-Quero; sê limpo. E logo ficou purificado da lepra.
MARCOS [1]
40 E veio a ele um leproso que, de joelhos, lhe rogava, dizendo: Se quiseres, bem podes tornar-me limpo.
41 Jesus, pois, compadecido dele, estendendo a mão, tocou-o e disse-lhe: Quero; sê limpo.
42 Imediatamente desapareceu dele a lepra e ficou limpo.
LUCAS [5]
12 Estando ele numa das cidades, apareceu um homem cheio de lepra que, vendo a Jesus, prostrou-se com o rosto em terra e suplicou-lhe: Senhor, se quiseres, bem podes tornar-me limpo.
13 Jesus, pois, estendendo a mão, tocou-lhe, dizendo: Quero; sê limpo. No mesmo instante desapareceu dele a lepra.

 
À primeira vista pode ao leitor superficial ou desatento apenas indicar um simples milagre de Jesus e mesmo sendo um feito extraordinário, este episódio pode não ser para esse tipo de leitor mais do que isso mesmo.
Mas observemos atentamente.
Em primeiro lugar quem já se aceitou pecador e acredita na Bíblia e nos preceitos da fé cristã expostos no sermão da montanha, pode ter dúvidas em como realmente deve proceder na sua vida de forma a sentir-se bem com a sua nova consciência cristã.
Como já referi o primeiro passo é assumir os próprios defeitos e pecados e querer mudar de procedimento, todos temos pontos fortes mas também fracos e são esses que queremos mudar para melhor.

A lepra era na altura uma doença altamente contagiosa, incurável e destrutiva Os judeus a consideravam como uma punição divina causada por “grandes pecados”.
Ora, se assim era consideremos este leproso como o exemplo de um “grande pecador”, vejamos então qual foi o procedimento deste perante Jesus, pois isso nos mostrará de que forma devemos proceder perante Deus de forma a pedir perdão e/ou ajuda:
Encontramos três passos importantes para quem almeja ser perdoado do seu pecado ou “curado do seu mal”,  primeiramente este homem teve que tomar uma atitude que seria primordial para ele ser curado, acompanhe comigo o texto Foi abordado por um leproso”. Jesus veio descendo do monte, do qual Ele acabara de ensinar os seus discípulos, imagino eu que este leproso se encontrava ali ao pé daquele monte, talvez debaixo da sombra de uma árvore ou em outro lugar em que ele pudesse se refugiar do sol, pois, a lepra com certeza já tinha deixado sua pele muito sensível, e ao ver que Jesus ali passava ele teve que sair de seu lugar, sair da posição de comodismo, ultrapassar a multidão que seguia Jesus, pois Jesus por onde passava sempre era seguido por multidões. Aquele homem teve que se aproximar de Jesus.
Se eu ou você quisermos ser abençoados ou curados, temos que primeiramente nos aproximar de Cristo, devemos sair de uma posição de comodismo, por esta altura já temos que ter entendido que sem Jesus não há outro caminho;
 
Porque há um só Deus e um só mediador entre Deus e os homens, Jesus Cristo,”
I Timóteo 2:5
 
A Palavra é clara, não adianta tentar outras formas, seja; santo, igreja, homem, macumbas, magias, espiritismos, budismos, etc, nada nem ninguém pode salvar, a não ser Jesus.

Vemos que após se aproximar de Jesus, ele entendeu que ali passava alguém muito importante, e em sinal de respeito ele se lançou aos pés de Jesus “e o adorou”. Observando esta atitude, aprendo que não devemos nos aproximar de Jesus de qualquer forma, devemos estar próximos de Jesus de forma respeitosa, entendendo que não estamos na presença de qualquer um, Jesus não é como um desses santos que muitos veneram, que se proclamam fiéis por colocar a imagem do santo na geladeira, ponta cabeça, num altar, etc.
 
ENTÃO NÃO SE COLOQUE DE QUALQUER FORMA NA PRESENÇA DO NOSSO SENHOR E SALVADOR JESUS CRISTO.”

Adore, exalte, glorifique este Santo nome, pois, só através d´Ele eu e você seremos salvos.

Em terceiro lugar aprendemos com esse homem que se encontrava leproso, mais um passo para podermos ser abençoados por Deus:
HUMILDADE”. Este homem se encontrava doente de lepra, uma doença agonizante, vemos que este homem que relata o livro de Mateus sofria dessa doença, e certamente ele se encontrava desesperado e ansioso para obter sua cura, mas, ele foi humilde ao se aproximar de Jesus. ele podia muito bem dizer a Jesus:“Eu, preciso ser curado, me cura, anda me cura, eu não aguento mais, estou sofrendo.” Ou algo desse tipo. Mas não. Ele primeiramente se lançou e adorou a Jesus, e quando foi pedir, foi humilde:Senhor, se quiseres, podes tornar-me limpo.”Ele sabia da fama de Jesus, ele com certeza tinha ouvido falar que Jesus curava todas as enfermidades e moléstias, Jesus curava pessoas que se encontravam atormentadas, pessoas endemoninhadas, lunáticas, paralíticas, ele sabia que Jesus poderia curar a ele também, mas ele foi humilde “Senhor, se quiseres”.
 
Vejamos o que o Senhor respondeu:
 
Quero; sê limpo.”
Amigos, não interessa o grau de pecado, se grande, se pequeno, Jesus QUER E VEIO DAR SUA VIDA para curar e salvar o pecador, se o pedido estiver nestes simples termos:
0- Devemos estar dispostos a sair da nossa zona de conforto e depois o pedido deve ser,
1- Sincero e necessário - "Rogou-lhe"
2- Reverente e Humilde – "de joelhos" / "se quiseres"
3- Confiante – "podes"
4- Reconhecida e especifica necessidade - "purifica-me"
5- Breve
 
É difícil?
 
Eu pessoalmente acho que não, desde que já tenhamos entendido o que está em causa e já não formos orgulhos e saibamos ser humildes.
Nesta passagem entendemos então qual deve ser o nosso comportamento perante o nosso Pai que com tanto Amor nos criou e só nos exige o mínimo de bom senso no nosso relacionamento com Ele.
Jesus veio para curar e salvar o pecador mas o pecador deve querer ser salvo e fazer também a sua parte.
Respeito e Humildade perante o Criador e a nossa vida será o que realmente foi feita para  ser.
Um Abraço
Referências:

(1) Mateus

 
Fontes:

Como alcançar as Bençãos de Deus

http://cleberalbuquerque.blogspot.pt/2010/07/como-alcancar-as-bencaos-de-deus.html